Bram Stoker’s Dracula – Drácula de Bram Stoker [1992]

Estive a rever o Dracula do Coppola.

Gary Oldman é tão deus, Wynona Ryder era tão linda (anda desaparecida), Keanu Reeves (que todos sabemos é um vampiro na vida real) tão mau actor, Anthony Hopkins tem a melhor frase do filme:

Van Helsing: I want you to bring me, before nightfall, a set of postmortem knives.
Doctor Jack Seward: An autopsy? On Lucy?
Van Helsing: No, no, no. Not exactly. I just want to cut off her head and take out her heart.

O jogo de sombras do Coppola é fantástico. Tal como a banda sonora e o ambiente vitoriano. Dos filmes sobre o Dracula que vi, este é o mais fiel ao livro do Bram Stoker, no entanto tem algumas liberdades criativas, em especial na relação entre o Dracula e a Mina que a meu ver estraga um pouco as próprias temáticas que o livro apresentava. Coppola transforma a relação de ambos num história de amor forçada o que acaba por estragar muita coisa, em especial a cena de violação que no livro foi chocante e aqui é uma cena de amor em que Mina se entrega a Dracula. Também o próprio vampiro mudou em relação ao livro, aqui tem um charme e um passado trágico que o aproximam mais dos livros da Anne Rice que do monstro do livro. Se quiserem ler a minha opinião sobre o romance, jump right in!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: