Dr. No – O Agente secreto [1962]

Este mês decidi fazer uma maratona de 007, vou tentar (mas não vou conseguir) ver um filme por dia. Grande parte deles já os vi em tempos, outros será uma estreia. O primeiro da lista é obviamente o Dr. No, que sempre foi dos meus favoritos.

Uma coisa que sempre gostei no Dr. No é que embora estejam lá alguns aspectos típicos dum 007, no fundo é um filme de espionagem (tal como o From Russia With Love) e nem tanto um vulgar 007 com montes de acção e os seus clichés da praxe. É lento, pausado, subtil e até discreto q.b., um completo oposto do que imaginamos num 007.

O Sean Connery é um rei, quando for grande quero ser como ele, super cool e charmoso. Adorei a cena em que ele aguarda pacientemente no quarto pelo bad guy, espera que ele esvazie as munições e calmamente diz “That’s a Smith & Wesson, and you’ve had your six”… bam!

A Ursula Andress é uma das bond girls mais icónicas (e bonitas) e embora seja completamente desinteressante, uni-dimensional e meio patetinha, acaba por ser uma das minhas favoritas. O vilão é claro, o Dr. No. É o típico génio megalómano que inspirou outros vilões na saga, gosto dele mas tem pouco tempo de antena.

Sempre gostei muito dos detalhes e dos pequenos pormenores neste filme, gosto de ver o Bond a revistar um quarto à procura de armadilhas e vestígios, da forma como antes de fugir perde tempo para tapar as pegadas na areia, como ele fica minutos a montar as suas vigias, enfim é assim que imagino um espião, super cauteloso e sempre desconfiado. Torna-o muito mais vulnerável e humano, ao menos ficamos com a ideia que ele pode falhar (e falha algumas vezes).

Os defeitos que tenho a apontar ao filme recaem principalmente no ritmo e nos muitos momentos mortos onde nada de muito importante e relevante se passa. Também grande parte das interpretações deixam um pouco a desejar, alguns secundários e figurantes são muito mauzinhos. Dos 007 que vi este é um dos meus 5 favoritos, situação que não se alterou depois deste visionamento, continua a ser um bom filme.

Comments
One Response to “Dr. No – O Agente secreto [1962]”
  1. Álvaro diz:

    Nunca fui grande fã dos filmes do 007, mas tive a oportunidade de ver este uma vez que a SIC os andava a transmitir e gostei bastante. Os outros, principalmente pós-Sean Connery são demasiado artificiais, têm muitos erros e coisas impossíveis.
    Acho que só gosto mesmo deste e do Casino Royal, o último nem o vi sequer.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: