The Dark Knight Rises – O Cavaleiro das Trevas Renasce [2012]

Sou um fã do Nolan, alguns dos seus filmes em especial o Momento, Prestige e Iception são dos meus favoritos, no entanto os seus Batman nunca me conseguiram conquistar da mesma forma. Sim, são filmes baseados numa visão realista que acaba por ser refrescante entre os filmes de super-herois (actualmente dominados pelos clones dos filmes da Marvel) mas sempre me passaram um pouco ao lado.

E assim chega o derradeiro capitulo da sua trilogia Batman, um filme que não estava particularmente ansioso mas que obviamente não podia deixar de ver, por ser mais um filme do Nolan, o primeiro depois de Inception e por ser o encerrar da sua visão do cavaleiro das trevas. Como é habitual com pessoas de sucesso, as habituais minorias vocais da Internet têm vindo a cascar no filme e no Nolan, mas como já sou crescidinho para saber o que a casa gasta parti para o filme com mente aberta e com a certeza que não iria ser tão mau como os haters e os “intelectualoides” nos queriam fazer crer.

Mas a verdade é que a meu ver The Dark Knight Rises é realmente o pior filme da trilogia. Não é um mau blockbuster, mas fica aquém dos anteriores dois filmes. Isso a meu ver deve-se a alguns factores, dos quais destaco a sua longa duração que torna o seu ritmo extremamente inconstante. Não achei o argumento particularmente bom, a segunda metade cai em alguns clichés deste tipo de filmes com a típica bomba que ameaça destruir uma cidade tomando proporções que vão um pouco contra a ideia realista do universo do Nolan.

Depois há alguns pequenos pormenores que não gostei. O twist é fraco, previsível, mal preparado e com consequências praticamente nulas. O Bane não tem profundidade e a sua voz é mal executada. A Marion Cotillard que é só a minha actriz favorita está tão, tão apagadita que até dá pena (a sua ultima cena é tão cómica). À semelhança do Inception, o filme está cheio de exposição directa, no entanto se no anterior filme acabava por ser uma necessidade, aqui nem por isso, havia espaço para mais subtileza. E podia continuar.

Então foi um mau filme né? Não! Não foi! Eu gostei, é certamente melhor que qualquer filme da Marvel, The Avengers incluído, mas com o Nolan as exigências são sempre maiores, é uma das consequências de se ser bom (vão pentear macacos haters).

Comments
One Response to “The Dark Knight Rises – O Cavaleiro das Trevas Renasce [2012]”
  1. Hugo Bessa diz:

    Boa critica, embora não ache o filme tão fraco como o descreveste. O anterior é melhor sim, mas este está apenas um ou dois furos abaixo. Tens que ter em conta que a memória do anterior Joker ainda está bem assente, embora ache que a CatWoman fez um excelente papel.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: