Maratona Sci-Fi 2014

Se há tradição tão enraizada como a Maratona Terror aqui no PixelHunt ela chama-se… Maratona Sci-fi. Todos os meses de Maio desde 2012 foram e serão reservados à descoberta de filmes de ficção cientifica e nesta quinta-feira iniciar-se-à a 3ª edição. Como hábito, os escolhidos são predominantemente compostos por filmes que ainda não vi e … Continuar a ler

The Amazing Spider-Man 2 – O Espetacular Homem-Aranha 2 [2014]

 Ohhhhhhhhhhhhhhhhhhh outro filme de super heróis! \o/ Sequela do reboot da adaptação cinematográfica das aventuras de Peter Parker que começaram na BD. Voltando dois anos atrás referi sobre o original desta nova série que era um filme escusado, e mantenho o mesmo sobre esta sequela. No entanto não é menos verdade que parte da história … Continuar a ler

The Swapper [2013]

Quem me costuma ler já deve ter reparado que jogo muita coisa indie, e que grande parte deles são puzzle platformers, descendentes directos do sucesso de Braid em 2008. Também já devem ter reparado que sou um forte critico desses jogos quando não conseguem evoluir mais do que a sua interessante mecânica central. É “fácil” … Continuar a ler

Captain America: The Winter Soldier – O Soldado do Inverno [2014]

Para quem não gosta de filmes de super-herois eu bem que os vejo todos… Mas tenho uma desculpa, normalmente sou arrastado para lá quando vou ao cinema, por isso não me interpretem mal. Pois é, mais um produto da fábrica de clones da Marvel, desta vez mais um filme do Capitão América, o super soldado … Continuar a ler

Saints Row: The Third [2011]

Tenho andado de férias, portanto é altura ideal para começar a despachar jogos que tinha deixado a meio. Eu sou virgem de Saints Row, pouco ou nada conheço e, claro, nunca joguei nenhum deles. Então porque decidi começar no terceiro jogo perguntam vocês? Bom… é o único que tenho! Mas a principal razão porque decidi … Continuar a ler

A Storm of Swords – A Tormenta das Espadas / A Glória dos Traidores

No calor da estreia da quarta temporada de Game of Thrones, nada mais apropriado do que terminar de ler mais um livro do épico de George R. R. Martin. E é um “marco” importante porque pela primeira vez ultrapassei a série e posso finalmente começar a vê-la do outro lado da barricada, ou seja, já … Continuar a ler