Top 10 Filmes Ficção Cientifica

scifi

Depois da bem sucedida maratona Sci-Fi 2014 e tal como prometido (e várias vezes adiado) aqui está o top dos meus filmes favoritos de ficção cientifica. Repito, os meus favoritos, não os melhores.


10 – Eternal Sunshine of the Spotless Mind [2004]

eternal-sunshine

Um filme que embora não seja pura ficção cientifica apresenta fortes elementos que o inserem no género, Eternal Sunshine of the Spotless Mind é uma experiência inteligente e tremendamente emocional sem nunca usar essa emoção de forma manipuladora ou barata. Pessoal apaixonado, tenham cuidado, este é um filme que causará um enorme dano no vosso coração😀

9 – Planet of the Apes [1968]

planet-of-the-apesOlha, vi-o algumas semanas atrás durante a maratona sci-fi 2014 e reafirmou-se como um dos meus filmes favoritos. O que mais impressiona em Planet of the Apes é a forma como pega num conceito que no papel parece tão ridículo, e trabalha-o de forma tão séria e plausível. Numa altura em que o cinema fantástico era bastante conservador e fundido quase sempre pelo mesmo molde, um filme destes chegou e obrigou os espectadores a pensar fora da caixa e a questionar. É ficção cientifica inteligente, e de certa forma também vanguardista.


8 – Inception [2010]

inceptionFilme que se tornou no alvo preferencial para os pseudo-intelectuais falarem mal. O seu enorme sucesso despertou muito odio e inveja a essa gente o que me fez gostar ainda mais! Goste-se ou não deste filme, a verdade é que é inteligente, provocador e trata o espectador, não como um recipiente para despejar filme, mas pelo contrário, coloca-lhe questões e incentiva-o a pensar e a procurar respostas.


7 – The Fountain [2006]

fountainNo fundo não se deveria classificar como ficção cientifica, mas à sua superfície tem diversos elementos que o inserem no género. Há poucos filmes tão polarizantes como este. É comum dizer-se que só se ama ou odeia certos filmes, mas essa é mesmo a expressão correcta com este. Quem gosta, normalmente é absorvido pela experiência. Quem não gosta, não consegue ligar-se, chegando mesmo a sentir-se insultado. Eu adoro-o!


6 – Children of Men [2006]

childrenÉ o filme que figura na liderança do meu top de filmes dos anos 00’s e com razão. o seu ambiente negro num futuro inundado pelo desespero marcou-me, tudo isso pautado por uma escelente direcção do Alfonso Cuarón.


5 – 2001: A Space Odyssey [1968]

2001Acho que posso dizer que houve um Berto antes e outro depois do 2001, acho que toda a gente que se interessa por cinema tem um filme que por alguma razão o fez gostar disto. No meu caso foi o 2001. No entanto da primeira vez que o vi não percebi NADA do que se estava a passar, não captei nenhuma mensagem, simbolismos e temáticas, fui esmagado apenas pela experiência. Só com mais visionamentos, com o livro e com pesquisas na (na altura, uma novidade para mim)  Internet é que comecei a ver mais para além dos estímulos sensoriais.


4 – The Empire Strikes Back [1980]

empireNa verdade poderia colocar aqui toda a trilogia inicial, contudo ha um filme que claramente se destaca do resto, o capitulo intermédio The Empire Strikes Back. Uma brilhante mistura entre fantasia e ficção cientifica, este é um filme que solidificou a revolução que foi Star Wars.


3 – Blade Runner [1982]

blade-runnerCom fortes influências cyberpunk e film noir e um dos percursores do movimento cyberpunk, Blade Runner é mais do que uma junção de estilos, criou o seu próprio estilo. A versão que coloco aqui em 3º é a director’s cut que é imensamente superior, na minha opinião, à lançada inicialmente nos cinemas.


2 – Alien [1979]

alienAlien figurou no primeira posição do meu top de filmes de terror e aparece também aqui, revelador da forma como misturou tão bem ambos os géneros para criar uma autêntica obra-prima. O seu futuro sujo e usado de certa forma ajudou a quebrar com a tipica imagem limpa e cuidada que se ligava à ficção cientifica na altura.


1 – A Clockwork Orange [1971]

clockworkOs abusos do autoritarismo, a perda de liberdades pessoais, o perigo do totalitarismo, a ausência do livre-arbítrio e a consequente perda da nossa humanização são tudo temas retratados em A Clockwork Orange numa crítica social mascarada de sci-fi, drama e comédia. O futuro retratado é extremamente realista e perigosamente actual mesmo que visualmente seja fruto do imaginário dos anos 70.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: