A Boy and His Dog – Um Rapaz e o seu Cão [1975]

a-boy-and-his-dog-poster

Saltamos para a década de 70 com um filme pouco conhecido, mas que deveria ser obrigatório para quem tem o mínimo interesse por este subgénero.

Não que A Boy and His Dog seja um filme por aí além, mas é um marco num dos mais importantes subgéneros da ficção cientifica, este foi um dos primeiros filmes a mostrar um futuro pós-apocalíptico nuclear e a maior referência para os dois grandes pilares normalmente associados ao género, Mad Max no cinema e Fallout nos videojogos. Em especial este ultimo, Fallout vai buscar e emprestar tanta coisa a A Boy and His Dog que se torna tremendamente interessante ver onde tudo nasceu. O visual da wasteland, a ideia dos vaults, o revivalismo dos anos 50, o companheiro canino, são tudo elementos que o pessoal da Black Isle usou para o jogo clássico de 1997.

Para além de ser interessantíssimo vê-lo como fonte de inspiração, também o é como filme, um filme cheio de defeitos é certo, mas digno de um olhar atento, isto porque trás igualmente algo diferente e de certa forma arrojado na sua narrativa. Desde logo o protagonista tem a capacidade de falar telepaticamente com o seu cão o que é… bizarro. Mas se inicialmente se estranha, rapidamente ele se torna numa personagem surpreendentemente credível e realista, ao ponto de nem me lembrar que estou a ver um cão. É uma das qualidades do filme a forma como consegue tornar natural uma premissa tão fantasiosa.

Mas onde o filme mais surpreende é no mundo e no protagonista. Esta é uma wasteland não só física e ambiental, mas acima de tudo uma completa desolação moral. Sim, filmes como Mad Max ou jogos como Wasteland e Fallout usam e abusam da decadência moral das suas realidades, mas A Boy and His Dog não tem quaisquer receios em entrar a pés juntos na mais completa degradação ética e moral, não só do mundo, mas especialmente do protagonista. Vic (um jovem Don Johnson antes da fama) é um completo bárbaro, um violador sem quaisquer remorsos ou moralidades. Ele e o seu cão deambulam pelo deserto nuclear à procura de comida e de mulheres para violar. É seco, é triste mas, muito provavelmente realista. Num cenário destes, um miúdo nascido no pós apocalipse, muito provavelmente veria as mulheres como meros objectos.

Bom, mas se pensam que se vão deprimir, podem descansar porque A Boy and His Dog é uma comédia. Sim, pode parecer estranho, mas o filme aborda estas temáticas com um humor bem negro que… nem sempre funciona, no entanto a escrita é bastante sólida, tendo em conta o seu protagonista.

Muito mais haveria para dizer, mas o melhor é mesmo darem uma vista de olhos, podem-no ver aqui em baixo. Se se interessarem minimamente pela temática A Boy and His Dog é obrigatório, mesmo não sendo um filme por aí além.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: