Busanhaeng [2016]

train-to-busan_poster_goldposter_com_1-jpg0o_0l_800w_80q

E pronto, terminamos mais uma edição da Maratona Terror no rescaldo da noite de Halloween que passei a divertir-me… a trabalhar😥

E terminamos com um dos maiores sucessos asiáticos do ano, o Sul Coreano Busanhaeng, mais conhecido como Train to Busan. E o que é Busanhaeng? Muito basicamente um filme de zombies dentro dum comboio. Se a ideia ainda não vos despertou o interesse então digo-vos que, para mim, este é um dos melhores filmes de zombies dos últimos anos e, certamente, um dos que mais se destacam de toda a fornalha e sobressaturação que o género está a passar.tumblr_ofselktupb1vyvg1co4_400

E o que torna Busanhaeng bom? Este é um filme que não tem problemas em pegar nos clichés do género, mas tem a inteligência de os apresentar de forma criativa e inseridos num ambiente normalmente pouco usado que é um comboio e uma sociedade não americana. Pode parecer que não, mas um filme de zombies passado fora dos EUA significa que a quase ausência de armas de fogo transforma por completo todas as setpieces que normalmente associamos ao sub-género.

Para quem conhece o cinema coreano, sabe certamente da tendência que eles têm em exagerar e colocar dramatismo exacerbado em quase tudo o que fazem e, Busanhaeng não é excepção. Este é um filme que se leva a sério e termina com um dramatismo tal que, se fosse mal executado, faria com que se espalhasse ao comprido. Não há nada mais embaraçoso do que filmes que se tornam comédias involuntárias. Felizmente Busanhaeng nunca chega a cair nesse poço, se bem que por vezes o vilão super exagerado na sua maldade quase estragava a seriedade da coisa.

É um bom filme, criativo e inventivo na forma como aborda os clichés tão difíceis de evitar. Sai daqui com um aconselhado.

E pronto, assim termina mais uma Maratona Terror, a 7ª edição desde que dei inicio a esta tradição em 2010. Este ano foi maior que o normal com nada mais que 18 filmes, descobri muita coisa boa e acho, honestamente, que este foi um dos melhores anos em termos das escolhas que fiz. Sendo assim, resta-me despedir e agradecer as poucas pessoas que foram seguindo mais esta aventura. Um bem haja!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: