Murders in the Rue Morgue – O Crime da Rua Morgue [1932]

Damos inicio a mais uma Maratona Terror, a maior desde que comecei isto, no já longínquo 2010. E arrancamos com uma adaptação dum conto duma das principais figuras do género, Murders in the Rue Morgue do Edgar Allan Poe.

Nunca li o conto, mas pelo que tenho lido esta é uma adaptação muito pouco fiel, aliás como quase todas as adaptações de terror dos anos 30, mas isso não é sinónimo de baixa qualidade, até porque dos melhores filmes de terror são precisamente desta década. Infelizmente Murders in the Rue Morgue não se pode englobar no grupo restrito de clássicos da década de ouro, bem pelo contrário, se compararmos com os seus colegas da primeira parte da década como Dracula, Frankenstein, MDr. Jekyll and Mr. Hyde e por aí fora, é um filme que parece antiquado e não avança em nada o que o terror estava a fazer no seus primórdios. Sem chama, sem garra, com uma história derivativa de Frankenstein que nada de novo trás para a mesa e um Bela Lugosi que tem muita dificuldade em sair do seu registo de Dracula, mas que acaba por ser o melhor do filme.

Não posso deixar passar, como é óbvio as evidentes semelhanças com King Kong durante o clímax quando o gorila leva a donzela através dos telhados, uma clara inspiração para King Kong que sairia no ano seguinte. A mesma cena tem também muitas semelhanças com Das Kabinet des Doktor Caligari saído uma década antes.

O Melhor: Mesmo tendo dificuldades em sair do seu típico overacting monotónico empregado em Dracula, Bela Lugosi tem muita presença e é divertido vê-lo a “mastigar o cenário”.

O Pior: Antiquado e sem ideias comparado com os seus clássicos contemporâneos.

A melhor cena: Difícil encontrar uma que se destaque. Quando encontram a mãe da protagonista na chaminé será a mais bem conseguida em termos de choque e terror, mas em termos técnicos a cena do baloiço mostra alguma da pouca chama criativa do filme.

Veredicto: Aborrecido, sem ideias e derivativo. Dos mais desinspirados filmes de terror do inicio da década 30.

Podem-no ver, com bastante qualidade, no video abaixo. Divirtam-se!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: