Xtro – Extraterrestre [1982]

Estas maratonas não são supostas serem exclusivamente compostas por bons filmes, cinema rasca série b é sempre bem vindo e pode ser tão bom como qualquer outro, aliás muitos dos meus filmes favoritos são completos série b. E é aqui que encaixa este série b britânico (que curiosamente não têm muita tradição neste tipo de cinema) que… bom… é realmente mau.

Xtro de certa forma encapsula na perfeição o que deve ser um mau série b, é pateta e de baixa qualidade mas leva-se demasiado a sério para que se lhe possa perdoar o miserável resultado final. Felizmente há aqui muita, muita comédia involuntária, que de certa forma acaba por salvar a experiência, caso o vejam com um grupo de amigos, como eu fiz.

A história é uma mistela de diferentes ideias, mas basicamente um tipo é, certo dia, raptado por extraterrestres deixando para trás a sua esposa e filho. Anos mais tarde um alien cai na terra e “engravida” uma mulher aleatória que minutos mais tarde dá à luz… o tal gajo que desapareceu anos antes! Podem adivinhar no que isto vai dar, entretanto a sua esposa juntou-se com outro individuo (que é uma das maiores fontes de comédia do filme, e ele não é suposto ser um comic relief… já estão a imaginar) e as coisas tornam-se muito interessantes numa espécie de triângulo amoroso e duvidas se o novo tipo é realmente o original que desapareceu.

Só que não.

O filme é uma tremenda trapalhada que mais parece um projecto amador de miúdos que aprenderam a mexer numa camera e a fazer um efeitos marados. Fiquei parvo quando descobri que há um certo culto à volta disto e até há mais duas sequelas desta bodega!

O Melhor: Portanto… o melhor… talvez a comédia involuntária?

O Pior: Na verdade é quase tudo mau, mas quando começa a querer entrar em ácidos, e falo da cena em que os brinquedos do puto de tornam reais, é quando desisti de lhe dar uma oportunidade.

A melhor cena: Logo no inicio, quando o alien, que claro, não é um homem num fato, aparece em cena a meio da noite na estrada. Quando o filme ainda prometia.

Veredicto: Um mau exemplo de terror série b. Pode dar para rir se estiverem com boa companhia, caso contrário é uma perda de tempo.

Se quiserem muito ver (why…?) podem clicar aqui, infelizmente nãoconsigo embeber aqui na pagina por isso fiquem também o trailer!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: