Remember Me [2013]

Remember Me teve a inglória tarefa de ter sido escolhido como o meu próximo jogo depois de acabar The Witcher 3. Tenho perfeita noção que é injusto, um órfão de The Witcher 3 como eu, desfrutar de forma justa e isenta qualquer que seja o jogo, mas Remember Me acabou por me facilitar a tarefa porque, … Continuar a ler

Akira [1988]

Abandonamos a década de 80 com o clássico de animação japonês, Akira. Akira é uma das grandes referências do imaginário cyberpunk, especialmente em termos visuais. Mesmo tendo emprestado muito de Blade Runner, Akira conquistou um espaço próprio dentro do género e passou a ser, após o seu lançamento, uma fonte de inspiração para inúmeros filmes, … Continuar a ler

Deus Ex: Human Revolution [2011]

E não é que Deus Ex: Human Revolution é mesmo bom! Quem diria…

Retrospectiva: Deus Ex [2000]

O nome Deus Ex já andava desaparecido há um bom tempo, a sequela falhada de 2003 parece que tinha destruído qualquer esperança dum eventual regresso. Mas este ano tivemos Deus Ex: Human Revolution que desencadeou um reacender pelo interesse na série. Atenção que esta retrospectiva está carregada de spoilers, mas também só vai ler isto … Continuar a ler

O Legado de Blade Runner

Mais um pequeno artigo que escrevi originalmente para a Red Carpet, mais precisamente para a edição de Maio 2008 quando estreou por cá o Final Cut.

Retrospectiva: The Longest Journey [1999]

Através do Espelho Antes de mais, as apresentações, para quem não conhece The Longest Journey. O jogo é uma aventura gráfica point & click, criada em 1999 pela (então relativamente desconhecida) Funcom para o PC, saído da mente do norueguês Ragnar Tørnquist (algumas entrevistas interessantes dele aqui).

Blade Runner [1997]

Nop, não vou falar do filme, mas sim do jogo da Westwood, uma aventura gráfica point & click lançada em 1997. Blade Runner é um jogo que na altura tentou fazer coisas diferentes, e que de forma geral conseguiu atingir níveis de qualidade bem elevados. Infelizmente não foi um grande sucesso comercial (estávamos em plena … Continuar a ler