Inside [2016]

Lembram-se de Limbo? O menino bonito da cena indie nos idos de 2010. Cheguei a falar dele por cá e dei-lhe boa nota, mesmo reconhecendo que perdia muito gás na segunda parte da sua curta duração. Seis anos (!) se passaram e os dinamarqueses da Playdead apresentaram a sequela espiritual intitulada de Inside. E o … Continuar a ler

Valiant Hearts [2014]

Se é certo que a Ubisoft hoje em dia é um poço de chacota, fruto das más decisões, jogos desinspirados e bugs com um pouco de jogo lá agarrado, a verdade é que por lá ainda vagueiam mestres do oficio, que ainda tomam algumas boas decisões. Um desses mestres é Michel Ancel, e uma das … Continuar a ler

Kairo [2013]

Cairo! Distante Cairo! Excitante Cairo! Apaixonante! Ou então não… Ofereceram-me isto e não faço ideia o que é. Minto, na verdade já tinha ouvido falar e já tinha visto imagens, no entanto não sabia de facto no que consistia este Kairo. A melhor forma de o descrever é… tipo… um jogo de puzzles à lá … Continuar a ler

The Swapper [2013]

Quem me costuma ler já deve ter reparado que jogo muita coisa indie, e que grande parte deles são puzzle platformers, descendentes directos do sucesso de Braid em 2008. Também já devem ter reparado que sou um forte critico desses jogos quando não conseguem evoluir mais do que a sua interessante mecânica central. É “fácil” … Continuar a ler

Acabei de jogar… Mark of the Ninja | Snapshot

—————————————————— Mark of the Ninja [2012] A canadiana Klei Entertainment tem-se vindo a assumir como uma das lideres em animação 2D dentro do espaço independente. Shank surpreendeu pelo seu traço detalhado e animações fluidas e Don’t Starve pela sua interessante direcção artística, mas a sua joia da coroa é este Mark of the Ninja, um … Continuar a ler

Acabei de jogar… Serious Sam: The First Encounter | Closure

———————————————————————————————————————————— Serious Sam: The First Encounter [2001] Embora eu seja um PC gamer há quase 20 anos, há certos pecados pouco dignos de quem passou grande parte da sua vida a jogar apenas no PC. Não gosto de jogar multiplayer, não jogo MMO’s, nunca toquei num jogo da Blizzard e… nunca joguei Serious Sam! Bom … Continuar a ler

Acabei de jogar… Splice | Revenge of the Titans | Sequence | Zeno Clash

Enquanto não acabo outros jogos de maior envergadura tenho estado a despachar joguitos indie mais pequenos para limpar parte do meu backlog, que surpreendentemente está a ficar um pouco mais limpo. A minha estratégia de não comprar jogos ao desbarato está a resultar… por agora.   Splice [2012] A primeira vez que vi Splice foi … Continuar a ler

Scribblenauts Unlimited [2012]

Já não acabava um jogo há bastante tempo! A verdade é que tenho tido menos tempo livre e isso naturalmente traduz-se em mais dias para terminar um jogo. Pois bem, o escolhido desta vez foi uma sequela dum jogo nascido originalmente na Nintendo DS e que sempre me despertou bastante interesse, Scribblenauts Unlimited. Acho que … Continuar a ler

Oferta de jogo mensal – Fevereiro: SpaceChem (Vencedor Sorteado)

Faz hoje 1 ano que o PixelHunt começou a oferecer jogos e tal como prometido no mês anterior, a oferta é um dos puzzle games mais bem recebidos dos últimos anos: SpaceChem! Mas é um bom jogo? Perguntam vocês. Ainda não tive oportunidade de o jogar, mas dizem que sim. Ao contrário do que é … Continuar a ler

Acabei de jogar… Anna | Offspring Fling! | Shank

Enquanto espero pelos lançamentos de Março (Tomb Raider e Bioshock Infinite) e me decido que jogo de grandes dimensões me vou por a jogar até lá, despachei mais três indies que tinha por aqui no Steam. Os escolhidos desta vez foram mais uma vez jogos pequenitos que pudesse acabar num par de horas. Anna, uma … Continuar a ler

Toki Tori [2010]

Estive doente durante a ultima semana, portanto pouco nada fiz, quanto mais jogar, mas deu para despachar em dois pares de horas mais um joguito do meu backlog, desta vez o escolhido foi Toki Tori.

Puzzle Agent [2010]

Como sabem o Summer Sale do Steam esteve aí a violar as nossas carteiras e uma das minhas aquisições foi Puzzle Agent, um joguinho experimental da Telltale que há muito me despertava o interesse.

Chime [2010]

Mais uma vez cai na tentação das promoções do Steam. mas por por 1€ é impossível não aproveitar.